Follow by Email

quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

10 Coisas politicamente ilegais que aprendi com “O Monstro”

Eu aposto um sete belo que você nunca assistiu O Monstro, a não ser que você seja cinéfilo, eu continuo com a minha aposta...Ganhei né?! Bem, ele é um filme e faz você entender que é possível haver comédias italianas legais. O filme é atuado e dirigido pelo querido Roberto Benigni, que você conhece de A Vida é Bela (admito, whatashame, nunca vi!) e também por sua esposa, que também tava em “A Vida é Bela”, Nicoletta Braschi.


A história do filme é sobre um estuprador serial à solta na cidade que deixa todo mundo preocupado, e altas investigações tão rolando e tudo aponta para Loris (Benigni), que SEMPRE se mete em situações suspeitas e engraçadas. Sério, vale o download hem!

Mas aí vai 10 coisas politicamente ilegais que aprendi:

-Que é possível tomar café da manhã de graça/adquirir jornal de graça/morar num apartamento de graça, sem muita dignidade né, mas é possível;

-Que é possível assaltar coletivamente um supermercado e ainda sair de fina;

-Como me dependurar numa varanda e obter vantagens com isso;

- À mandar mensagens anônimas;

-Que na falta de armário tem a gaveta;

-Que canetinha faz vezes de catapora! Como fui esquecer isso...

-Que nada adianta uma fantasia de chapeuzinho vermelho supersexy se sua voz e sua personalidade são superchatas;

-Que nem estudando (e colando) chinês eu vou aprender chinês;

-Que andar agachado é a solução de quase todos os problemas;

-Que o idioma italiano é MUITO feio!!!

terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

10 coisas (FAIL) que prometemos à nós mesmos no primeiro dia de aula


1- Não chegar atrasado- Essa é quebrada geralmente no próprio primeiro dia de aula, e das formas mais idiotas o possível. Classicamente, a comunidade estudantil perde o horário sendo sabotados pelo próprio despertador, a gente coloca no modo soneca/cochilo etc e acaba dormindo mais que a cama ou então o despertador simplesmente não toca, um fenômeno inexplicável porém muito recorrente nos dias de hoje. A outra maneira, menos clássica porém mais idiota eu diria, é quando acordamos cedo e levantamos cedo da cama, porém, acreditamos que dará tempo de assistir à um episódio de Two and a half men, hidratar o cabelo, fazer as unhas e etc e acaba que temos que engolir pedaços de pão na porta de casa e levar frutas e toddynho pra comer no carro/ônibus.

2- Prometer prestar atenção nas aulas- Um conselho querido: Se você está em uma aula chata, que você acha inútil porém tem que saber a merda da matéria pra passar, PELAMOOOR não leve revistas, computador, psp pra aula senão a sua promessa será fail novamente e quando se der conta você estará lutando pra aprender a matéria chata que perdeu. Se bem que, não importa se você levou computador, revista e psp, se for pra perder a concentração você vai perder da maneira mais idiota: vai observar um mosquito nojento que vai de carteira em carteira, vai observar a espinha grotesca que tem no queixo da professora ou vai brincar com o chaveirinho do estojo. Isso é um fato.

3- Prometer estudar- Mas quem disse que a gente não estuda?!?! Claro que essa promessa é cumprida, pena que é sempre faltando 5 horas pra começar a prova, ou até menos! Aí fica complicado, porque se você estuda antes e se mostra interessado nas aulas, pode ter certeza, uns 10 vão querer sentar atrás de você pra pegar cola. É eu entendo a sua justificativa, é melhor estudar pouco e tirar proveito de quem estudou, do que estudar, ser tirado proveito e ainda ficar com menção baixa porque te pegaram passando cola... Ô vida de cão!

4- Prometer só tirar notas boas- No começo a gente vai entregando trabalho, só que tem um ou outro que a gente faz que nem a nossa fuça, tipo ctrl+c ctrl+v, e acaba com a nossa até então "média" daí a gente fica: "mas na próxima eu recupero, vou tirar notão" e o que acontece é que a nossa vontade de estudar é inversamente proporcional à intensidade das nossas promessas, quando vai ver tá um cincão no boletim.

5- Prometer não conversar na aula- A gente faz a promessa e beleza, vai olhar pro professor e entender a matéria, só que bem ali do lado você escuta umas risadinhas, vê papelzinho rodando e fica curioso, começando a perder a concentração. Aí você vai olhando pro colega de rabo de olho, como quem não quer nada, dá uma risadinha, só que, o seu colega querido dá uma risadinha de volta faz uma cara de entediado e você não agüenta, tem que ajudar a pobre criatura a se entreter naquela aula chata, quando vai se dar conta do que tá fazendo é quando o professor chama a atenção e pede pra calar a boca.

6- Prometer estudar pelo MENOS 30 minutos no fim de semana- Pelo menos isso né, porque quem promete promete logo uma manhã inteira, o sábado todo, mas, caso você não esteja estudando pra concurso você bem sabe que se te chamarem pra um churrasquinho de gato é tudo o que você precisa pra usar como desculpa pra não estudar nem meia hora, aliás, você chama isso de necessidade de socializar, bem sei disso.

7- Prometer gastar menos no lanche do intervalo- De dois reais em dois reais lá se vai a entrada num apartamento, já sabendo disso, você tenta cortar as despesas alimentares semanal, só que quando sentimos cheirinho de crepe, pastel, pizza a gente sente que é nossa obrigação moral comer porque como mamãe dizia: Saco vazio não pára em pé.

8-Prometer que quando reunir com o grupo de trabalho vai apenas fazer o trabalho- Uma coisa engraçada é que reunião de trabalho sempre dá mais certo do que quando você chama a galera toda pra sua casa, o que acontece é que tem quatro pessoas na sua sala, o número ideal pra formar dupla de mortal kombat, call of duty e etc. O que fazemos é tentar empolgar a galera pro trabalho e jogar um pouco pra “aquecer”.

9- Prometer ser organizado e não perder prazos e datas- Não sei se com vocês é o mesmo, mas mesmo anotando tudo na agenda faltando só uma vez no semestre eu ainda consigo ser pega de surpresa com trabalhos. Aí nem tem jeito, senta e shora!

10- Prometer diminuir o tempo no facebook/twitter/skype/MSN/ blog/gmail/chat terra/gtalk/ Orkut/flogao/ fotolog -e a pancada de porcarias que só fazem a gente perder tempo, só que é tanta coisa que se não cortar o tempo mesmo você nem sai de casa, daí pra sair você leva a laptop com você e danou-se tudo: Com uma coisa só você consegue desfazer mil promessas de primeiro dia de aula!

P.S.: Esse post não foi digitado durante a aula. JURO!

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

10 razões para filmes americanos de puro entretenimento não receberem oscar

Todo mundo se amarra em filme americano, fala a verdade, é a indústria capaz de deixar qualquer filme de terror asiático tosco, capaz de fazer a gente chorar horrores com um romance barato e de produzir a maior quantidade de babaquice por metro de rolo de filme. Além de fazer muitos filmes imbecis, eles filmam muitas incoerências que já ficaram marcadas como A cara do cinema americano. Uma amostra grátis a seguir...

1- De qualquer janela de Paris os personagens são capazes de visualizar a torre Eiffel. É típico, igual aos filmes filmados no brasil, não importa quantas mil cidades você tenha, quantos mil monumentos e paisagens bonitas existam, eles só lembram da porcaria do Cristo Redentor!!! (tá, não é porcaria, é revolta!).

2- Os homens são super corajosos em brigas, sofrem todos os golpes sem dar um "ai"! Aí quando chega a mulher pra limpar as feridas ele começa a se queixar e a fazer carinha de dor...


3- As camas possuem lençóis especiais que cobrem os homens até a cintura e as mulheres até os ombros. Queria muito ver um desses pra vender, acho muito conveniente.

4- Uma tossezinha de nada é sinal de doença fatal. Imagine se isso acontecesse de fato e ainda mais no Brasil, com esse problema de hospital público (e até particular também!) não ia sobrar um pra contar história hahaha.

5- Não é necessário olhar para a carteira nunca, os personagens sempre pegam a quantia de dinheiro certinha e nunca rola troco. NUNCA. (Acho isso bacana, povo generoso né?).




(Tá, eu sei que isso é o Mc Cain, mas shhhhiu:X)

6- O batom da protagonista nunca sai, não importa se ela lutou, mergulhou.. às vezes nem quando morrem (protagonista em filme americano não morre haha aí outra coisa, mas consideremos caso morresse, ou uma coadjuvante mais evidente). Sempre com aquele tom cereja-beije-meus-lábios durante todo o filme, ou vermelho, ou bordô, mas quem liga?!


7- Uma loira bonita e provocante pode ser phd em micro biologia ou especialista em fissão nuclear com menos de 25 anos :O



8- Quanto mais um casal se odeia, mais certeza você tem de que vão se pegar. FATO.



9- Em filmes de terror, quando as mulheres inventam de investigar barulhos estranhos em casas mal assombradas e afins, a tarefa tem de ser feita o mais despida possível.


9- Em uma luta/tiroteio/briga, uma pessoa tem mais probabilidade de vencer 20 do que as 20 vencerem o um.



Essa foto era pra fechar com chave de ouro e com o abdômen sarado do Brad :D

Na verdade, são muito mais do que apenas 10 razões, mas eu acho que com apenas dez dá pra fazer o ponto de vista, já que em um filme só tem mais de 50 clichês. Filmes americanos: Fazendo a gente sofrer com a nossa vidinha imperfeita desde sempre.



sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

Como se divertir em festas chatas

Já aconteceu com todo mundo, às vezes a gente vai numa festa que promete horroooores, mas chega lá tá maior clima de funeral, ou a música tá horrível ou então a gente ta no lugar errado, tipo roqueiros em pagodões e vice-versa, acontece, ainda mais em festas de carnaval, tipo aquelas que você vai com aquele amigo alternativo ou festas low budged ou até mesmo no budget (meu caso:P). Mas a gente precisa ter jogo de cintura pra se conformar que gastou R$ 40 ,00 reais numa porcaria de festa. É só esquecer a timidez e juntar a tchurma que nem precisa de uma festa boa pra sua festa ter de fato valido a pena, a seguir tem algumas sugestões, fique livre pra usar como checklist :)

1-Fazer trote na lista de contatos do celular dos amigos. QUEEEEM nunca fez isso?!? Mas com um monte de gente perto e no viva voz é beeem¹²³ mais animado. Diversão garantida hem.



2-Falar: "Eu acho que te conheço" pra sair do tédio e puxar papo com alguém/ tentar pegar alguém/ realmente achar que conhece alguém (Funciona!).


3-Puxar papo com o barman, muitas vezes eles são super legais e ainda podem dar um drinkezinho de graça se te achar supimpa, ou você pode infernizar o pobre coitado, muito provavelmente vai ganhar um drinkezinho pra sumir da face do bar ou pra pelo menos encher o saco de outro com
menos coisa pra fazer.
.
Saca a cara do Bruno Mazzeo de "Toma essa merda aqui senão te meto porrada", acho que ele não curtiu muito ser barman ... Vendo o povo beber a torta e a direita, ter de servir todo mundo e não beber nada realmente é uma sacanagem.


4-Ir "fantasiado" de emo, Geisy Arruda e coisas do gênero. Ah, sem comentários, com certeza vai ser o centro das atenções e todo mundo vai chegar pra dar uma zoadinha básica.

5-Fazer um Flashmob com a tchurma. Claro, tem de treinar alguma coreografia chueba antes, mas vai valer à pena, além de você ter uma boa lembrança, vai ficar na lembrança de toooodo mundo da festa, ainda mais se for MUITO ruim ou se for uma música do carrapicho, calypso e macarena (mas eu amo² macarena).



6-Fingir que é estrangeiro, pode ser inglês, espanhol, portunhol, o idioma que souber, o perigo que corre, é que se você for ruim no idioma, ao invés de você se divertir você que vira motivo de divertimento e de chacota. Inclusive, esse eu mesmo já presenciei, e realmente foi temço...

7-Tire muuuuitas fotos em poses super ridículas e animadas, porque, apesar de ter sido uma merda de festa em foto todo mundo vai achar um bapho!

Mas, porém e contudo NADA for capaz de te animar, aqui tem a fórmula clássica de tornar a sua noite inesquecível. Mentira eu acho que vai ficar muito esquecível isso sim, mas depende do tempo que você gastar no banheiro e na quantidade de movimentos espasmódicos
da barriguenhaa :P

)


Aliás, Bom Carnaval!!! E não SE envergonhe :D

quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

Lolita


Lolita, no contexto do post, é pra definir garotas na fase da pré- adolescência, sexualmente atraentes e/ ou precoces. E não o que pode ter vindo a cabeça de alguns como isso aqui:


Mulheres asiáticas de mais de 20 anos tentando recuperar a infância (pervertida) perdida #not.

Nas verdade é um post sobre a obra lynda e querida do Vlad Nabokov, que era livro e foi adaptada pro cinema duas vezes, e eu acho muito dignas as suas adaptações.


A história de Lolita tem como protagonista o professor Humbert, que está à procura de algum lugar para ficar e encontra a casa de Lolita, na qual mora com a mãe. O professor Humbert já é um homem de meia-idade, mas mesmo assim caiu nos encantos da menina de apenas doze, que na verdade não é tão inocente como a idade prevê.
O livro é muito bacana e tudo, mas sinceramente a velocidade dos acontecimentos na narrativa é lenta e isso me agoniou pra caramba, tirando que às vezes não ficava muito claro o que tinha de fato acontecido em alguma situação, mas a história é bem gostosa, e como todo livro adaptado, é obviamente bem mais rico de detalhes.

Esse é o pôster do primeiro longa adaptado do livro, lançado na década de 60, por causa da censura da época, muitas coisas tinham de ser subentendidas no filme, que teve Sue Lyon no papel de Lolita.


Fato que Sue era linda, mas não durou muito no cinema, fez mais uns dois filmes e caiu no esquecimento. Chegou à mexer com drogas e até se casou com um assassino confesso.


O segundo longa foi filmado em 1997 e tinha Dominique Swain no papel de Lolita. O filme ficou bem mais fiel na segunda versão, primeiro porque se tinha maior liberdade com as cenas e segundo porque ela se assemelhava mais com a personagem descrita por Nabokov.




Tilt criativo em tatuagens de famosos

Sério, eu me pergunto como que essas pessoas de imagem pública fazem tatuagens tão toscas. Inclusive, muitas vezes além de fazer tatuagem tosca, de arte ruim, com tatuadores meia boca (sim, acontece), ainda usurpam criatividade dos outros e fazem tatuagens idênticas à de outros
famosos. Temço.

Ao que tudo indica, a Lindsay Lohan foi a primeira a tatuar a palavra "Breathe" (respire) no pulso,
depois aparece foto da Anahí criativissíma, de Rebeldes com uma mesma tatuagem. Mentira, mesma não, tem uma estrelinha e o b é maiúsculo...
.
Aí, quando a gente acha: Tá vai parar esse negócio ridículo de "respire", não, lógico que não!
Aparece a Miley Cyrus com um "Just Breathe" nas costelas, ah vai, melhor do que no pulso.



Outra tat que acabou virando moda foi o Shhh... que a Rihanna fez no dedo indicador:



Que ficou até bacaninha né, a guria é cantora, nunca vai precisar de entrevista de emprego mesmo... Só que aí aparece Lily Allen e Lindsay Lohan pra copiar a proeza.




Teve também as panicats que tatuaram a mesma coisa no mesmo lugar pra "selar a amizade" heuheuhe que merda hem!



Outra que estão fazendo aos montes, que na minha opinião é muito lynda, são os corações nos dedos, tá é linda e tudo, mas ainda sim parece tatuagem de presidiário, vamo combinar né.


Daí tem a Miley Cyrus, que quer provar a todo custo que não é mais Hanna Montana fazendo um milhão de tatuagens, muitas muito palha e sem sentido assim como essa PORCARIA de "Love" na orelha... Só sendo famosa pra tatuar um monte de porcaria e ainda arrumar um namorado gato:P


Outra tosca é o "Know your rights" (Conheça seus direitos) da Angelina Jolie, hmm, tem lugares melhores pra colocar isso, tipo sei lá, na geladeira...



Pra não dizer que eu não gosto de nada, essa aqui da Evan Rachel Wood tá muito linda, é um trecho da obra de Edgar Allan Poe "All that we see or dream, is but a dream within a dream".


All that we see or dream, is but a dream within a dream'